"i"nformações!


Foi lançado à meia dúzia de dias, assim como quem diz, um tal de jornal i, publicação que prezo, considero inovadora e na minha ignorante opinião veio dar uma lufada de ar fresco na imprensa portuguesa. A propósito, um artigo do The New York Times sobre o dito cujo diário.
No entanto a primeira página do i de hoje é aquilo a que se chama uma verdadeira conspurquice. As contra-indicações da mesma são náuseas, mal-estar, convulsões e diarreia. O artigo de que falo é este em que o iluminado do jornalista veste a pele de bufo, faz julgamentos em praça pública e coloca nomes de pessoas a negrito. Verdadeiro serviço público! O visado não perdeu tempo e já escreveu resposta à altura no blogue de que se fala, O Jumento.
Andará o negócio dos jornais assim tão mau? O Sol publica ilegalmente escutas, "face oculta" é expressão que agora faz parte do léxico de toda a gente, o i sai-se com esta hoje, já para não falar de outras capas com informação que valha-nos nosso senhor! Faz-se de tudo para vender as notícias do dia, não interessam escrúpulos nem ética.

Sem comentários:

Enviar um comentário