Aqui e agora


Já alguém reparou que apesar de sermos um estado de direito democrático, unanimemente reconhecido internacionalmente como país desenvolvido (o qual nos incluí no primeiro mundo), devidamente integrado na superpotência global que é a União Europeia, e, claro está, o maior exportador de cortiça de que há memória, ninguém reparou que o charlatão que nos governa tem inúmeros pontos de interrogação acerca de questões legais a pairar sobre a sua pessoa? Ainda que fosse como o Lula, compadre seu brasileiro, que se desenvencilha de uma e nunca mais se ouve falar na coisa, mas porra Sócrates, mal acabas de sair de uma metes-te logo noutra! Afinal, que raio de engenheiro técnico és tu, que mesmo tendo a manita por tudo o que é Portugal fora, e mesmo no estrangeiro (aquele teu amigo espanhol da Prisa deu-te uma ajuda do catano, diz lá se não deu?), andas sempre com o nome barulho, e mesmo silenciando as coisas, que eu sei bem que te tens tentado orientar, não passas da cepa torta? Vá, não te chatei-o mais, nem sequer vou falar do Vara. Já agora, o meu irmão está a curtir tótil o Magalhães! Por acaso não fizeste trampa também com os computadores, pois não?

Sem comentários:

Enviar um comentário